Consultório            Facebook           Instagram            YouTube            Página Inicial


16.6.08

PROBLEMAS DE SONO NAS CRIANÇAS

Como já tive oportunidade de referir aqui, na idade adulta existe uma correlação significativa entre os distúrbios do sono e os transtornos depressivos e ansiosos. Se, por um lado, todos nós sabemos que a infância acarreta, entre outras contingências, algumas dificuldades no que diz respeito ao sono, em particular nos primeiros anos, por outro lado é importante diferenciar entre os problemas “normais”, associados a esta etapa do desenvolvimento, e as dificuldades mais sérias. É que, numa pequena percentagem dos casos, e tal como acontece nos adultos, os problemas com o sono das crianças podem estar associados a uma depressão infantil ou a um transtorno de ansiedade.

Pesquisas recentes mostraram precisamente que mais de 80% das crianças com depressão apresentam distúrbios do sono, como insónias, que as levam, muitas vezes, a dormir na cama dos pais. A incidência destes distúrbios nas crianças sem este transtorno é de apenas 5%. Ora, esta correlação permite-nos olhar para este tipo de dificuldades como um sinal de alerta, que não deve ser desvalorizado.

Então, o que é que está ao alcance dos pais no sentido de efectuar um despiste rigoroso? A primeira ajuda deve ser a do pediatra da criança. É este profissional de saúde que poderá avaliar até que ponto é que a criança deve ser encaminhada para um especialista do sono e/ou outros profissionais.

Além disso, e tal como acontece na idade adulta, é importante cuidar da higiene do sono, para que as crianças possam assim descansar e repor a energia de que precisam para o seu dia. Quando as crianças não dormem bem, aumenta a probabilidade de terem problemas de comportamento. Há alguns cuidados que os pais devem ter:

  • A criança deve ir para a cama a uma hora fixa, para criar uma rotina.
  • O quarto da criança deve ser confortável e acolhedor, para que se sinta relaxada.
  • A televisão, o computador e as consolas devem ser substituídas pela interacção com os pais, que lhes permite sentirem-se mais calmas à hora de deitar.
  • Deve evitar-se que as crianças assistam a programas de televisão inapropriados para a sua idade, mesmo durante o dia. A mesma regra é aplicável aos jogos de computador e consolas.
  • À noite deve evitar-se bebidas e alimentos que contenham cafeína – colas e chocolates, por exemplo – já que são estimulantes.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...